Estatutos
Orgãos Sociais
Actividades
Apoios
Sócios
Inscrição/Quotas
Livraria
Contactos
História
Roteiro
Indice Temático
Indice Analítico
Sala dos Índices
Arquivos Distritais
Bibliografia
Bases de Dados
Paroquiais
Ajuda
Roteiro Índice Temático Bases de Dados Contactos
Casa Castelo Melhor e Várzea de Abrunhais
Tipo: Fundo    Dimensão: 37 livros + 36 maços    Datas: séculos XVI-XX
História:
O título de Visconde da Várzea foi concedido a Bernardo da Silveira Pinto da Fonseca (1823), nascido em Várzea de Abrunhais, Lamego, falecido em 1830, filho de João Brum da Silveira Pinto da Fonseca, moço fidalgo da Casa Real, cavaleiro da Ordem de Cristo, e de D. Isabel Rita da Câmara Figueiredo e Castro.

Foi cadete do Regimento de Infantaria de Almeida, promovido a capitão em 1808, a tenente coronel em 1809 e a coronel em 1812. Integrou a Divisão de Voluntários Reais do Príncipe, foi ajudante geral das tropas da Corte e Província do Rio de Janeiro, governador e capitão general do Maranhão, governador das Armas da Beira Alta, em 1824, detendo já o posto de marechal de campo, e ainda governador das Armas do Porto. Era moço fidalgo da Casa Real, do Conselho de Sua Majestade. Casou com D. Mariana da Silveira Pinto da Fonseca, sua prima, filha dos 1" Condes de Amarante.
Foi 2° Visconde (1843) João da Silveira Pinto da Fonseca (1805-1858), filho dos anteriores viscondes. Foi oficial de cavalaria, comandante do batalhão de Voluntários Realistas de Lamego (1829-1832), presidente da Companhia Geral dos Vinhos do Alto Douro e comendador da Ordem de Cristo. Casou com a 2a Viscondessa de Guiães.

O 3° Visconde (1887), João da Silveira Pinto da Fonseca Correia de Lacerda e Altero de Figueiredo Sousa e Alvim (1863-1937), foi também 7° Marquês de Castelo Melhor pelo casamento com D. Helena Maria do Santíssimo Sacramento de Vasconcelos e Sousa Ximenes, 7ª Marquesa de Castelo Melhor.

Os Marqueses de Castelo Melhor ficaram com a representação da Casa de Ponte de Lima, em 1878, após a morte de João Xavier de Lima e Vasconcelos Brito Nogueira Teles da Silva, solteiro e sem geração, detentor da referida Casa e do título de Marquês.

Detém actualmente a representação das Casas Bernardo João da Silveira de Vasconcelos e Sousa, 9° marquês de Castelo Melhor, professor universitário e historiador, director do Arquivo Nacional da Torre do Tombo entre 1998 e 2001.

Documentação oferecida por Bernardo João da Silveira de Vasconcelos e Sousa, em 1977. Acresceu ainda um documento, doado em 1999, por José Francisco Noronha a Bernardo João da Silveira de Vasconcelos e Sousa, então director do IANITT, que por sua vez o ofereceu para ser integrado no fundo.
Descrição:
Fundo constituído por documentação maioritariamente proveniente da Casa da Várzea, relativa à constituição e administração de bens e direitos: instituição de capelas e morgados, títulos de propriedade, escrituras de compra, venda e troca, de hipoteca, de dívidas e de empréstimos, de confisco de bens, arrematações, prazos, foros, arrendamentos, escrituras de dote, testamentos, inventários de bens, escrituras de partilhas, autos de posse, cartas citatórias, processos judiciais, sentenças, embargos, certidões, receita e despesa, recibos, róis de contas, correspondência recebida. De referir o índice dos documentos do cartório (caixa 9).

Inclui ainda, para além de documentação de carácter genealógico, correspondência de carácter pessoal.