Estatutos
Orgãos Sociais
Actividades
Apoios
Sócios
Inscrição/Quotas
Livraria
Contactos
História
Roteiro
Indice Temático
Indice Analítico
Sala dos Índices
Arquivos Distritais
Bibliografia
Bases de Dados
Paroquiais
Ajuda
Roteiro Índice Temático Bases de Dados Contactos
Tipo: Fundo    Dimensão: 3 caixas    Datas: séc. XIX-XX
Auxiliares de Pesquisa: Não dispõe de instrumento de descrição.
História:
António de Portugal de Faria (1868-1937), mais conhecido pelo título de Marquês de Faria, que lhe foi concedido por breve de Leão XIII, foi 2º visconde de Faria, filho de Augusto de Faria, 10 Visconde. Fidalgo da casa Real, comendador da Ordem de Cristo, cavaleiro de Malta, foi cônsul em vários países, secretário do comissário português na Exposição Universal de Paris, delegado da Alliance Scientifique Universelle, de Paris, camareiro secreto de Capa e Espada de Pio X, Bento XV e Pio XI. Foram-lhe concedidas várias condecorações nacionais e estrangeiras, entre as quais a grã-cruz da Ordem do Santo Sepulcro. Pertenceu a numerosas colectividades científicas, entre as quais o Instituto, de Coimbra, Sociedade de Geografia de Lisboa, Associação dos Arqueólogos Portugueses, Conselho Heráldico de Portugal, entre outras. Deixou vasta bibliografia na qual predominam estudos genealógicos e heráldicos.

Documentação oferecida pelo 2º Visconde e 1º Marquês de Faria, António de Portugal de Faria, em 1934 e 1935.
Descrição:
Diplomas do Visconde de Faria e de seu sogro, Guilherme Frederico de Portugal da Silveira de Barros e Vasconcelos; correspondência e condecorações.